A FORÇA DAS MULHERES NA POLÍTICA

09/10/2012 07:22

   Extrato do texto de Luciana Andrade

   Fonte: http://icesp.br/textualonline/index.php?option=com_content&view=article&id=340:a-forca-da-mulher-na-politica&catid=2:opiniao&Itemid=6

   Deputadas afirmam: “toda mulher pode sonhar em se tornar presidente da República, depois que a presidente Dilma conseguiu conquistar esse grande passo para o Brasil”.

   A mulher no decorrer dos anos mostra a força que ela tem, em todos os segmentos, demonstra também que é capaz de fazer transformações na política, uma profissão antes tão masculinizada.  Apesar de se confirmar a crescente participação feminina na política, embora esteja aquém do desejado. Ainda existem

preconceitos e muitas barreiras para se mudar esse cenário político.

    Só teremos uma sociedade mais justa e igualitária, quando a mulher conseguir mais espaço em todos os setores, é preciso que haja equidade entre ambos os sexos, para que a mulher possa realmente ressaltar a sua capacidade e determinação, a força que  tem para administrar os cargos, fazer as mesmas atividades que antes só poderiam ser desenvolvidas por homens.

   A mulher conseguiu mais visibilidade e força para lutar pelos seus direitos, depois que uma mulher alcançou o mais alto comando público. A presidente da República, Dilma Rousseff, que venceu a eleição no segundo turno em 31 de outubro de 2010. Ela comprova a capacidade da mulher para ocupar diversos cargos. A participação feminina  na política ainda é tímida, mesmo existindo uma lei que defenda a equidade de gêneros. De acordo com a Lei eleitoral: " cada partido ou coligação preencherá o mínimo de 30% (trinta por cento) e o máximo de 70% (setenta por cento) para candidaturas de cada sexo”. Os partidos são obrigados a apresentar no mínimo 30% de candidatura para cada sexo.

   Apesar da Lei estipular um estado democrático de direitos entre homens e mulheres, na política isso ainda não é colocado em prática. O espaço ocupado por elas  ainda  é muito tímido. O maior número de cargos políticos são ocupados pelos homens, apesar das mulheres representarem mais da metade dos eleitores brasileiros, elas ainda são minoria.
   É notório
o crescimento gradativo da mulher no cenário político, essa quebra de paradigmas de uma sociedade patriarcal, onde a mulher tinha a função de apenas cuidar da casa, dos filhos e obedecer ao marido. Nos dias atuais  o cenário está mudando, a mulher conquista seu espaço, ocupa cargos antes ocupados apenas por homens, desempenham as mesmas tarefas, ganham destaques no futebol, música e até mesmo nesse cenário  tão difícil de ser conquistado. É a vez das mulheres ocuparem mais o espaço político  e deixar a sua marca na história brasileira, promovendo uma sociedade efetivamente igualitária e promovendo o respeito aos direitos das mulheres.

 

 

Voltar