223 - E AÍ SR. PREFEITO E VEREADORES - 1 ?

30/07/2013 12:34

   Baseado no Texto de Peter Hakim

   PARTE 1: A POPULAÇÃO QUER MUDANÇAS AGORA !

   Embora os brasileiros gostem de multidões, foi uma surpresa praticamente geral quando mais de 2 mil manifestantes saíram às ruas para protestar aqui em Várzea Paulista dia 21/06/2013.

   Eles reclamaram dos abusos, da inércia e da corrupção do governo, tudo isso escancarado aos olhos do público quanto aos serviços públicos – da educação e saúde aos transportes e à apatia da administração municipal e legislativa – continuam estagnados na mediocridade e na acomodação dos indicados como comissionados. Ninguém viu os preparativos dos protestos.

   Ninguém aparentemente se deu conta da profundidade da revolta e da frustração dos munícipes – nem o prefeito, nem qualquer outro político, a imprensa local ou seus gurus, os acadêmicos ou os analistas. Nem os comerciantes, empresários ou informais. Os próprios organizadores ficaram surpresos com o número enorme de participantes.

   A população têm muitas razões para se sentirem satisfeitos consigo mesmos. Desde 1985, eles desfrutam do período mais longo de governo democrático ininterrupto jamais vivido pela nação. Nos últimos dez anos, sua estatura e influência internacional atingiram níveis sem precedentes. A economia do País, embora recentemente em ritmo reduzido, veio registrando uma expansão mais acelerada que em qualquer outro momento numa geração. A pobreza e o desemprego nunca foram tão baixos. Pela primeira vez na história, a classe média ultrapassa o número da população pobre.
   Mais desconcertante ainda é talvez o fato de que, antes do início dos protestos, as pesquisas de opinião sugeriam que a população estava satisfeita com seus líderes. É quase como se os próprios eleitores não tivessem consciência ou tivessem esquecido seu descontentamento até que os manifestantes tomassem as ruas e revelassem a crescente revolta contra políticos corruptos, Legislativos ineficientes, funcionários incompetentes pagos com supersalários, desmazelo com os serviços públicos essenciais e persistente esbanjamento do dinheiro dos contribuintes.
   Embora exprimissem preocupações semelhantes aos de manifestantes de outras partes do Brasil, ninguém discordou das queixas expressas pelos manifestantes, e seus participantes não foram criticados (exceto os “vândalos” infiltrados) e não encontraram oposição ou político envolvido.
   Além disso, embora a lista de reclamações fosse extensa, os manifestantes não apresentaram prescrições concretas e fizeram poucas exigências específicas.

   A população, claro, está revoltada com as falhas e fracassos do governo, e profundamente empenhados em mudar a maneira como o governo usa sua autoridade. Mas é impossível lutar intensa e apaixonadamente por um leque tão amplo de temas. Paixão significa escolher e investir totalmente nas próprias escolhas – sejam elas políticas ou pessoais. Os eleitores ainda estão fazendo suas escolhas. Foi perguntado a uma jovem, em alguma das manifestações do Brasil, que aqui não foi diferente, o que ela pretendia, ela respondeu:

Nós queremos tudo, e queremos agora”.

    E agora sr. prefeito, secretários e nobres vereadores ? Vão fazer de conta que não é com voces e não querem baixar os salários ?

   Não se enganem srs. políticos, o projeto de lei do Rodeio não vai encobrir os anseios dos eleitores, e não deve passar de um fogo de palha que não vai desviar a atenção da população. Não pensem que podem continuar fazendo de conta que está tudo bem, que não é com voces, que podem continuar fazendo o que sempre fizeram e continuar manobrando a opinião pública com sempre fizeram... essa época já passou, e não deviam ficar olhando para trás.

 

 

 

Voltar
Free Hit Counter