228 - POLÍTICA NOVA CHEGANDO ?

13/08/2013 09:21

   As recentes Manifestações tem apontado o desgosto da população para com os partidos políticos conhecidos, e para com os eleitos que deviam estar bem representando o povo em particular. Digam o que disserem os políticos da nova e da velha guarda, a população não se sente representados por eles. Nenhum partido ou político teve espaço nas manifestações, e nem mesmo os sindicatos conseguiram despertar a atenção popular como faziam antes. Estão todos distantes dos eleitores, voltados aos seus próprios interesses particulares, dos amigos deles mesmos e de quem governa.

   Nesse distanciamento marcante entre os políticos atuais e os eleitores, surgem dois partidos com a pretensão de atender as reinvindicações dos manifestantes: Partido Ecológico Nacional, já registrado, e o Rede Sustentabilidade, com registro em andamento, ambos com propostas muito semelhantes. 

   O PEN51 já está estabelecido aqui em Várzea Paulista e, com 1 ano de vida, está sendo bastante procurado como nova opção política, principalmente para acomodação dos descontentes com os partidos atuais, que diz hoje ter um novo jeito de se fazer política e que navega em águas limpas.

   Segundo o presidente local do PEN51, Jaime G. Nogueira, a proposta do novo partido centra-se nas questões ambientais e  sustentabilidade, sobretudo no diz respeito às questões sociais, pautando na educação e formação consciente, civil e politicamente do cidadão, defendendo e atendendo os anseios sociais e politicos exigidos pela população, já contrariados com a politica praticada hoje por quem devia estar bem representando o eleitor com dignidade, respeito e transparência pública voltada para o bem estar de todos, segundo comentou.

   Como o momento do PEN1 local é o da composição política, a atenção está voltada para filiações e as próximas eleições, a começar pela de 2014, inclusive já em negociações com possíveis pré-candidatos a governador do Estado de S.Paulo, sendo um deles o sr. Felipe Locke Cavalcante (atual presidente da Associação dos Magistrados), que compareceu ao encontro regional de 03/08/2013,  e que está bem cotado para ser indicado.

   Para deputado estadual e federal, as negociações estão bem avançadas com as lideranças da região, inclusive de Várzea Paulista.

   Quanto a disputar as eleições municipais em 2016, o projeto está sendo cuidadosamente considerado para disputar a prefeitura e o legislativo, descartando a possibilidade de ser partido de aluguel. Portanto, se dispõe desenvolver um trabalho consciente e abrangente para participar no governo municipal com representantes próprios e independentes.

   Com isso em pauta, o PEN51 estima que já pode admitir que tem cerca de cinco possibilidades de eleger representantes próprios à Assembléia Legislativa do estado de S.Paulo, considerando a média de 10.000 votos por candidato disputando as eleições. Em um total de cem disputando pela legenda, consideram viável e possível obterem cerca de um milhão de votos. É algo a ser considerado com atenção.

   O critério que devem adotar na composição de chapas é "nós, juntos podemos mais" .

  Também está em andamento o PEN51Mulher e o PEN51Jovem, já com algumas filiações confirmadas e outras em entendimentos, para implantação. Quanto ao andamento das filiações, o PEN51 local parece estar supreendendo a executiva, e isso pode demonstrar que está em conformidade com o que se exige hoje nas ruas.

   Por outro lado, o PEN51 parece ter um trunfo anunciado: Marina Silva pode vir para o partido se não conseguir registrar a tempo as 491 mil filiações exigidas pela Justiça Eleitoral. Inclusive Adilson Barroso, presidente nacional do PEN51, deixou bem claro e publicamente que cede tranquilamente a presidencia do partido a ela.

   A dificuldade que o Rede Sustentabilidade está encontrando na validação das assinaturas das filiações junto à Justiça Eleitoral, é não depender somente do esforço dos militantes, mas dos cartórios eleitorais que validam as assinaturas, e muitos estão desrespeitando o prazo legal de 15 dias corridos para essa tarefa, segundo os organizadores, que dizem ter coletado 844 mil assinaturas e encaminhado 533 mil delas aos cartórios.

   Entretanto, até esta 2ª feira, 12/08, apenas 189 mil haviam sido confirmadas pela Justiça Eleitoral, 302 mil a menos que as 491 mil necessárias para criar um novo partido. Portanto a meta de concluir a validação até esta 5ª feira, 15/08, foi definida pelo próprio partido.

   Para disputar as próximas eleições de 2014, a Rede Sustentabilidade precisa de seu registro definitivo até dia 4 de outubro. Os organizadores querem encaminhar toda a papelada ainda esta semana para ter um espaço de manobra caso o TSE questione a documentação.

   Enquanto isso, o PEN51 é a mais nova opção política na cidade, para, segundo o presidente da executiva local, estar junto aos anseios dos eleitores.

    A questão é: o novo vai ter e será com os mesmos de sempre ?

 

 

  

Voltar
free web counter