283 -V.PTA.: O PREFEITO NÃO DISSE QUE NÃO IA AUMENTAR O IPTU ?

05/02/2014 07:20

  Na série "o peixe morre pela boca", temos que o atual prefeito garantiu durante a campanha eleitoral que não iria aumentar o IPTU. Foi eleito com essa e muitas outras promessas, que até o momento não cumpriu depois de 1 ano e 1 mes de mandato, nenhuma delas. Quando se trata do bolso do contribuinte, a mais significativa promessa não cumprida hoje é o aumento do IPTU, onde claramente mostra o descaso pelas próprias promessas, deixando claro que foram apenas para realizar seu sonho de ser prefeito, custasse o que custasse, mostrando que o fato do eleitor votar não passou de um detalhe no processo, que só foi importante até o momento em que lhe deu o voto para ser eleito. 

  Prometeu tudo o que podia, mas não sabia se podia ou se conseguiria fazer se eleito. Foi eleito, e já traiu os eleitores com o aumento de 19% no IPTU, que disse que NÃO ia aumentar nos discursos de campanha eleitoral. O eleitor acreditou, mas o prefeito está governando o "troço" do jeito dele segundo uns e outros, como se tudo o que disse nos discursos de campanha nunca teve valor nenhum, mas que teve na campanha só para ser eleito. 

  Oras, dizem as linguas revoltadas com tudo o que se passa no governo, como confiar em quem trai os votos de quem o elegeu ao acreditar em suas promessas ? Só os incautos, dizem uns e outros, e parece que todos os eleitores são porque confiaram seus votos a ele. 

  Mas não é só ele, o prefeito. TODOS os nobres vereadores tem responsabilidade nisso, pois o prefeito só pode aplicar o aumento com a autorização da maioria dos votos dos vereadores, e aprovaram com 100% dos votos válidos, ou seja, com os votos de TODOS os vereadores. Foram TODOS contra os interesses do povo sofrido desta cidade que paga os R$ 10.000,00 de salário que cada um recebe, para fazerem o que fazem. E o que fazem ? SINCERAMENTE ? As linguas atentas não colocam de jeito nenhum as mãos no fogo por qualquer um deles, nem pelo prefeito... não mesmo. 

  A opinião pública além de decepcionada, já entende sem dúvida nenhuma que alguma coisa precisa ser feito, o quanto antes, porque a falta de respeito para com os eleitores e população passou dos limites do tolerável. Tem quem já considera que os 19% de aumento do IPTU pode ser a gota dágua. Imagine-se o que ainda podem fazer se ninguem fizer nada... 

  Pelo sim pelo não, não existe oposição no legislativo, nunca teve, pois sempre há o vicio do legislativo tirar alguma vantagem a mais do executivo, por isso a inércia e a inépcia é patente em ambas as partes. 

  Por outro lado, tem quem lembra que o Clemente disse enfaticamente nos seus discursos de campanha que isso ia acontecer caso fosse eleito um candidato a prefeito SEM EXPERIENCIA e sem histórico de administrador público, e que acertou em cheio no que disse. 

  E dizem os que sabem prever com boa probabilidade de acerto: os eleitores estão sentindo falta do ex-prefeito Eduardo, e que em 2016 pode estar sendo a "salvação" da cidade. O que falta nele é alcançar um nivel de humildade que o permita estar ao lado do povo, coisa que nem ele e nem o atual tem... e também porque o atual prefeito está dando TODOS os motivos para o ex-prefeito se reeleger, está mesmo, segundo os que sabem interpretar os anseios dos eleitores que querem as MUDANÇAS que precisam ser feitas, que sentem e entendem que com o executivo e legislativo atual NÃO vai acontecer.

 Oremos, sim oremos, alguma coisa ainda vai acontecer com esse pouco caso todo por parte do governo, legislativo e executivo... é o que se ouve dos eleitores nas ruas... 

 E mais, já está a caminho uma turbulência anunciada, pesada, e vem da parte do governo para o legislativo "apreciar" e "votar"... 

 

 

Voltar
free web counter