423 - V.PTA.: QUEM QUER SER PREFEITO ?

13/12/2014 12:02

  Enquanto a administração municipal acredita que está tudo bem no governo, a rejeição dos eleitores aumenta consideravelmente e até quase supera a que o PT tinha na eleição 2012.  Nesse ritmo, as pretensões de reeleição do atual prefeito pode despencar morro abaixo, e as chances se dissolverem quase que de forma quase irreversível. Uma das maiores criticas que existe na opinião pública é sobre a equipe executiva do governo, que todos entendem ser muito fraca e inepta.

   Outra coisa que está colando no governo é a suspeita de Licitações superfaturadas com os Inquéritos Civil solicitados pelo Ministério Público. Pode até explicar tudo, como no caso da placa na escolinha Paulo Freire, mas convencer é muito diferente. Na região do Jd. Promeca, Gauchinha, São Guido, etc., as chances de reeleição praticamente não existe mais se contarem com os votos dos moradores. Os comentários são desabonadores e a rejeição parece estar estabelecida na região, dizem...

   As Licitações sob suspeitas são:

   - 09/2013: referente aos brinquedos das escolas

   - 39/2013: maquininhas de reclicar papel e alguns livros e materiais didáticos

   - 42/2013: referente aos DVDs

   As denuncias foram feitas pelo vereador Demércio do PT.

   Ainda quanto a reeleição do atual prefeito, são muitas as controvérsias e especulações, e entre elas  já especula-se possibilidades de VICE na chapa da situação 2016:

   - Vereadora Valdilene como vice em 2016, que já estaria tudo acertado para uma chapa pura do PV

   - Ou que o vice em 2016 deverá ser o assessor Rubens Bittencourt, que se desfiliou do PSB e já é integrante da executiva do PSDB. Comentam nos bastidores que é uma estratégia para aliar o PSDB ao governo e não fazer oposição. Muitos acreditam nisso...

   De qualquer forma, já tem MUITOS interessados em “salvar” a prefeitura, gente que quer fazer a coisa “certa” e “mudar” tudo, tal qual o atual prefeito prometeu na campanha 2012. 

   Não são poucos os interessados em ser prefeito, a lista já está na casa dos 40 para todos os gostos, ideologias, fé dos principais credos religiosos e sonhos particulares de uns e outros. E na “lista” temos de tudo, desde empresários, vereadores, ex-vereadores, assessores, secretários municipais, ex-candidatos, funcionários públicos, etc., etc., todos “aptos” a resolver os problemas da cidade, segundo eles mesmos.

   Até aí tudo bem, mas já existem sinais visíveis de uma disputa “sangrenta” pelo candidato a ser indicado pelo PT, provavelmente entre o ex-prefeito Eduardo e o vereador Luciano, com o diferencial do ex-prefeito já ter experiência no cargo, e ter consciência dos erros que cometeu como prefeito para não repetir. Já o vereador tem a intenção, o sonho de ser prefeito, tal qual tinha o atual, e isso não é o suficiente porque os eleitores estão vendo como é eleger só um sonho, já fizeram isso antes e não deu lá muito certo.

   De todos os prováveis candidatos, três deverão ser adversários de peso:

   - o Prof. Rodolfo, vice-prefeito que hoje está na secretaria de educação, que é bem avaliado e pode até ser o candidato a prefeito do governo se o atual não concorrer

   - o Ex-prefeito Eduardo, que hoje é lembrado por muitos eleitores insatisfeitos com o atual governo, se não ficar inelegível.

   - e o empresário Padok, que está muito ativo e promovendo ações para ser bem conhecido e entrar na disputa de 2016. Segundo um político muito experiente, é o único que está fazendo a coisa certa, e dois anos ANTES das eleições. Vai dar muito trabalho se o nome dele surgir nas intenções de votos já no começo do próximo ano.

   Dos demais prováveis candidatos pouco se sabe, ou nada se sabe. Certamente em 2016 todos irão “aparecer” e procurar seu espaço para ser ao menos VICE, que é o sonho de consumo dos partidos sem um nome para concorrer a prefeito.

 

 

 

 

Voltar