593 - V.PTA.: TURBULÊNCIAS POLÍTICAS “INESPERADAS” – Parte 1

01/06/2016 10:47

   Então, ontem, 31/05, foi um dia deveras “turbulento” aqui em Várzea Paulista, particularmente na questão da “queda de braço” entre governo e servidores públicos quanto ao repasse salarial, e a “retirada” do apoio do PSDB ao pré-candidato a prefeito Jr. Aprillanti do PSB, além de outras de importâncias menores que abordaremos oportunamente. Vejamos:

  1)  Dissídio dos servidores públicos:

  Confirmou-se as especulações publicadas ontem, 31/05, no Sinal de Fumaça aqui do Blog, ou seja:

  a) O governo ofereceu na mesa de negociações com o sindicato às 13h, a proposta de conceder os 9,83% de repasse da inflação em 3 parcelas (15/06, setembro e novembro),

  b) determinou a TODOS os comissionados que participassem da Assembleia e votassem a favor da proposta do governo, e

  c) A Assembleia ocorreu em frente à prefeitura às 18h, e foi lido e colocado em votação a proposta do governo.

  Até aí tudo bem, e a Assembleia foi avaliada em 500 funcionários presentes, aparentando a presença um pouco maior de efetivos (hoje cerca de 1800) e a presença maciça de comissionados (cerca de 230).

  A proposta do governo foi colocada em votação e foi APROVADA pela maioria, certamente comissionados segundo comentários do pessoal presente, e conforme avaliação e entendimento do presidente do sindicato. A proposta do governo também foi aprovada na sessão da câmara logo a seguir.

  O que a maior parte dos efetivos de carreira deixa transparecer em seus sentimentos é que novamente o sindicato falhou nas negociações, da mesma forma que em 2014, e que essa maioria sente que, seja verdade ou não, houve entendimento entre sindicato e governo para que fosse aprovada a proposta do jeito que o governo queria, e isso parece estar gerando desconfiança nos efetivos.

  2)  Dissolução da aliança entre Jr. Aprillanti e PSDB:

  Uma turbulência inesperada  pegou de surpresa a direção do PSDB e provocou uma reunião partidária urgente de todos os filiados às 19:45h, que por fim implicou na dissolução do apoio do partido ao pré-candidato Jr. Aprillanti, PSB, por determinação do Diretório Estadual segundo informou o presidente do partido Elton Vargas, e depois divulgado nas redes sociais e publicado hoje em jornais, e que vai ter candidato próprio. A informação que percorria os bastidores era que o pré-candidato Jr. Aprillanti havia desistido de concorrer à prefeito aqui de Várzea Paulista. 

  Bom, o Blog entrou em contato com Jr. Aprillanti para confirmar, e a informação dele é de que estava aguardando sua exoneração ser publicada no Diário Oficial de Jundiaí para deixar o cargo de Secretário de Obras, e assim poder cuidar de questões de ordem pessoal e avaliar os procedimentos políticos posteriormente. Informou também, ao ser perguntado, que não estava descartando o PSDB, mas também não confirmou se estava ou não deixando de disputar para prefeito aqui na cidade.

  Claro, tudo isso desencadeou uma série de outras novas especulações no cenário político aqui de Várzea Paulista, que o Blog deverá abordar após completar a compilação dos vários comentários e informações para publicar.

 

Voltar