TOMANDO UMA ATITUDE POSITIVA E DECIDIDA.

27/12/2012 10:23

  Texto de  Jael Coaracy

  ...reconhecer o momento difícil, aceitá-lo, sem se deixar levar por ele. A atitude positiva abre mão dos sentimentos negativos e mantém o foco nos objetivos desejados. Tomar uma atitude positiva é admitir o que está acontecendo neste momento, seja uma decepção amorosa, solidão, demissão no emprego, problemas de saúde. Reconhecer o momento difícil, sem se deixar levar por ele é o fundamento da atitude positiva.

   A atitude positiva, quando algo indesejável acontece, diz: “vou superar essa dificuldade","desafios fazem parte da vida", "não há nada que me seja dado que eu não possa resolver", assim por diante. O pensamento positivo é seu aliado e pode ser transformado em instrumento para aumentar seu alcance.

   Uma atitude positiva é observar quando surgem emoções como a raiva, ressentimento, rejeição, negação, etc, para buscar o sentido desses sintomas. É o que faz alguém não ocupar o lugar da vítima e desenvolver habilidades para transformar o que não está bom o bastante, num processo de autoconhecimento.

   A atitude positiva faz da observação a chave para deixar ir embora o que não funciona.

   Sem resistir, ou querer se ver livre dos sentimentos que incomodam, a atitude positiva diz: “eu não sou a minha insegurança, por isso posso estar no controle da minha vida".  Ou, “posso ver o gatilho que faz explodir a crise de ciúme e sou capaz de interromper o processo" Uma atitude positiva é abrir o coração para uma nova percepção e uma conseqüente mudança de comportamento.

   A atitude positiva não acredita na sombra, pois sabe que a escuridão é apenas ausência de luz. Não julga, não condena, não critica. Tampouco se deixa tomar pela culpa ou pelo ressentimento.

   A atitude positiva é aquela que não nega o sentimento presente, seja ele qual for. Em vez de reagir, observa. Percebe a negatividade sem se deixar envolver por ela. Aprende a não se deixar dominar pelas emoções do momento.

   Uma atitude positiva é acreditar no poder da auto-transformação. É um recurso poderoso na busca da felicidade e requer a aceitação incondicional por si mesmo, na certeza de que do auto-amor surgem todas as possibilidades.

   Uma atitude decidida é aquela que nos impulsiona a agir com determinação. É a que nos faz dar um basta no relacionamento que não está funcionando, deixar aquele emprego chato para buscar outro mais de acordo com o nosso desejo, afastar da nossa vida as pessoas invejosas. Ela aumenta o nosso poder sobre nós mesmos e ajuda a escolher as experiências que desejamos ter.

   Uma atitude decidida nos faz olhar para dentro de nós mesmos a fim de que possamos verificar se estamos nos movendo em direção às nossas metas ou se, descuidados, estamos nos afastando delas sem perceber.

   Se fosse uma cor, seria uma cor vibrante, que não deixasse dúvidas. Se fosse uma palavra, seria uma palavra forte, sonora, cujo significado brilha. Se fosse um animal, seria um animal corajoso, que  se deixa guiar pelo instinto, sem medo.  Se fosse uma pessoa, seria alguém que não tem tempo a perder e que coloca o foco naquilo que busca na vida.

   Uma atitude decidida pode ser exercitada através das pequenas escolhas do dia-a-dia. É fortalecida com a transformação de crenças limitantes em crenças que apóiam a concretização dos objetivos desejados.

   Uma atitude decidida exige liberdade, confiança, a habilidade de mudar sempre que necessário. Ela implica na sabedoria de que, mais importante do que acertar, é assumir o poder da escolha e decidir o que nos parece melhor.

   Uma atitude decidida deixa para trás cargas emocionais e não permite que frustrações passadas atrapalhem o presente.

   Traz a consciência de que a vida acontece aqui e agora e de que é preciso ser o agente da própria história. Quando optamos por ser quem somos e assumimos a responsabilidade por nossas escolhas, sem medo da crítica ou de julgamentos, descobrimos a magia da atitude decidida.

   Uma atitude decidida é aquela que nos leva à vitória. Através dela exercitamos o poder sobre as nossas vidas e descobrimos que cabe a cada um de nós o privilégio de lutar e alcançar os próprios objetivos.

 

 

Voltar