Bolsonaro lidera pesquisa para as eleições 2022

Então... e chegamos em maio, com a expectativa de que este mês seja o inicio da superação das dificuldades, principalmente na saúde pública, e de dias melhores em todos os aspectos para um excelente convívio pessoal, social, profissional e econômico! Bom, aqui em Várzea Paulista o atual governo, com todos os escândalos conhecidos (e não conhecidos) da opinião pública envolvendo propinas, superfaturamentos e "supostas" corrupções sendo investigadas pelo Gaeco e Polícia Federal, bem como Inquéritos em andamento Ministério Público, inclusive envolvendo gestor público por "suposta" pedofilia, e o atual prefeito "sonhando" eleger seu sucessor usando da máquina pública, como fez para se reeleger em 2016 segundo uns e outros, tudo continua com as mesmas movimentações e "supostas" manipulações para as eleições 2020.

Enquanto isso, o site Paraná Pesquisas publicou pesquisa estimulada para as eleições presidenciais 2022feita entre os dias 27 e 29 de abril e registrada sob o nº 3122/20, mostrando as intenções de votos na qual Bolsonaro lidera em todos os cenários, apesar dos "ataques" e esforços contrários da Globo, Estadão, sites, partidos e políticos de esquerda, decisões do STF, Rodrigo Maia, Alcolumbre & Cia. Ora, todo o esforço do governador João Doria (PSDB) em sua "suposta" intenção de se eleger presidente em 2022, não aparece entre os 5 primeiros melhor avaliados na pesquisa e, provavelmente, e não deve se sair melhor que Alckmin (PSDB) na disputa eleitoral de 2018.

 Como já mencionamos aqui no Blog, Ulisses Guimarães (MDB) amargou sua derrota eleitoral para presidente em 1989 por "suposta" sabotagem de Orestes Quércia (MDB) que, por sua vez, sentiu o mesmo gosto amargo da derrota na disputa presidencial de 1994 ficando atrás do dr. Enéas. Depois disso, Quércia não conseguiu mais se eleger como governador de SP, e se tornou uma espécie de simbolo de vexame eleitoral imposto a um político pelos eleitores, e que parece se desenhar repetir em 2022 com Doria e Witzel, mesmo que Bolsonaro não concorra à reeleição. 

Pelo sim pelo não, a pesquisa completa, com todos os 3 cenários avaliados, pode ser conferida no arquivo abaixo, incluindo a avaliação da administração do presidente Bolsonaro... Oremos!