Edson Peru, a CEI, o gestor da Gestão Pública, a Ingex, os vereadores e o faz-de-conta em Várzea Paulista

Então caríssimos... com vereadores aparentando "preocupação", o "assunto" Edson Peru na sessão da câmara municipal de Várzea Paulista parece ter tomado proporções de instalação de C.E.I., com Requerimento a ser apresentado na próxima sessão, dia 16/07, após consulta ao jurídico da câmara. Até aí tudo bem, e é o mínimo do mínimo, se todos forem honestos e idôneos no cumprimento do mandato de vereador, segundo eles mesmos garantem que são. A segunda parte da sessão foi com explicações do gestor da Gestão Pública sobre o "imblóglio" envolvendo o governo municipal com a Ingex, sucessora da OS Vitale no Contrato Emergencial na co-gestão da Saúde. No final das explicações, questionado pelo presidente da câmara, o gestor disse que esse é um assunto polemizado, mesmo com toda opinião pública e população em geral entendendo perfeitamente que se trata de um escândalo absolutamente imoral e sem precedentes de corrupção na Saúde, onde a Ingex é uma espécie de "versão emergencial" da OS Vitale. O que pode ser considerado "constrangimento" visível pela expressão do gestor, foi quando o presidente da câmara perguntou se ele sabia que o administrador da Ingex foi preso em 2010 por roubo e furto, ao que o gestor respondeu: "... ééé se ele não está preso e cumpriu pena, foi acusado, não cabe à administração pública julgá-lo novamente e condená-lo". Bom, o fato do ex-diretor da OS Vitale, e agora administrador da Ingex, ser um ex-preso por roubo, não parece ser uma questão de moralidade a ser considerada pelo governo municipal, tanto que contratou a Ingex com base restrita nas leis da Licitações e Contrato Emergencial, inclusive alteradas no âmbito municipal conforme entendido nas respostas do gestor aos vereadores... Mas, oras, "vazou" hoje de manhã nas imediações da Casa de Leis, que o presidente da câmara municipal vai até o GAECO de Campinas tratar pessoalmente do assunto da Ingex que, de tão imoral e escandaloso, começa a parecer pornográfico. Pelo sim pelo não, mesmo assim não é aberta uma C.E.I, para investigar o Contrato com a Ingex, certamente porque a base dos vereadores que apoia o governo (são a maioria) não deve permitir a investigação, segundo comentam uns e outros à luz do dia... Oremos!

Obs.: Abaixo o link para o vídeo da sessão:

https://www.facebook.com/camaravp/videos/368421780484099/