Política, políticos e STF em vertigem...

Então... o ex-presidente Lula mal saiu da cadeia e já tem vários pedidos prisão preventiva protocolados na Justiça para levá-lo de volta à carceragem, por incitação à violência e crime à ordem pública. Os pedidos foram protocolados pelos deputados Carla Zambelli, Sanderson e Alexandre Freitas, pelo senador Major Olimpio e pelo MBL, que também pede a prisão de José Dirceu. A Lava Jato também protocolou pedido com o argumento: "a simples menção do denunciado, de que devem utilizar o Chile como 'exemplo' de resistência, configura crime contra a ordem institucional, é crime contra a Soberania Nacional, é crime contra a Democracia brasileira, é ato nefasto e terrorista, já que imbuído de ódio e total desrespeito à paz social".

É a direita fazendo o que PT, PSOL, PCdoB, PCO, etc, fazem como "oposição" contra quem eles entendem como inimigos. Quanto a isso, a revista Cruzoé escreveu"Lula - com o apoio de José Dirceu - modula para cima o tom do discurso, descarta qualquer autocrítica, adota o radicalismo como motor de arranque e apela para a mística do revolucionário que nunca foi. Enfim, é o velho vale-tudo político-eleitoral do PT: aquele que não se constrange em celebrar alianças com partidos fisiológicos, prevê um novo controle da máquina estatal, a utilização da engenharia sindical, a combustão das ruas e o velho e surrado atrelamento dos movimentos sociais, da classe artística, de intelectuais, de setores da imprensa e de blogs pagos. "

Enquanto isso, o presidente Jair Bolsonaro sai do PSL para fundar o partido Aliança pelo Brasil, com Convenção Nacional prevista para o próximo dia 21/11, já intentando disputar eleições municipais em 2020 com o novo partido. Quanto ao projeto da prisão em 2ª instância, circulando no Congresso Nacional, está provocando "trauma" e muito mal estar nos senadores e deputados denunciados e investigados pela justiça. O "trauma" teve, inclusive, gravação e divulgação de áudio de deputado dizendo que Rodrigo Maia será o primeiro a ser preso se o projeto for aprovado. Pegou MUITO mal. Mas não é só isso... segundo expectativas, também deve voltar na pauta do senado o projeto Lava Toga. Claro, o senado deve estar sob "pressão" do STF que tem praticado o que os senadores entendem como "excessos" no uso do poder judiciário. E mais: analistas políticos entendem que o STF está usando o poder da corte para intimidar e decidir quem e quando deve ser punido.

Bom, neste domingo p.p., 17/11, manifestações em várias cidades do Brasil pediram a cassação do mandato do ministro Gilmar Mendes, principal "articulador" das "decisões" da suprema corte e "manipulador oficial" do presidente do STF, Dias Toffoli, segundo avaliações de analistas. As imagens e vídeos das manifestações se espalharam nas redes sociais, e no mundo todo, inclusive com manifestantes jogando tomates em imagens de Gilmar Mendes e Dias Toffoli. Isso certamente torna o STF mais um vilão da sociedade que não quer corruptos e criminosos soltos, e coloca o STF como uma vergonha no cenário internacional. Não é bom...

Ora, em Várzea Paulista, depois da vexame político do ex-vereador, e advogado, Luciano Brás de Marques e do vereador Weslen Campos, que também teve outros movendo a mesma ação pedindo direito a 13º salário, negado pela Justiça, a pergunta  que os bastidores e opinião púiblica faz é: o que mais falta acontecer na política dos parlamentares que atuam e legislam em interesse próprio? E o povo? Bom, no período eleitoral, até o dia das eleições, o povo será importante para os políticos... mas só nesse período, depois tudo volta ao "normal"... eles, os políticos, sempre contam com isso, inclusive os fichas sujas e investigados pelo Ministério Público, Gaeco e Polícia federal, por corrupção e improbidade administrativa...