Prefeito de Várzea Paulista tem “conselheiro(a) externo(a)”?

Não se sabe se é verdade, ou não, mas tem especulações nos corredores e bastidores "secretíssimos" do governo municipal, e em alguns "recantos restritos" da opinião pública de que, além do habitual "josé dirceu" do governo municipal, o prefeito de Várzea Paulista conta também com um(a) "conselheiro(a) externo(a)" que o orienta em algumas situações problemáticas e/ou "conflitantes". Dizem que é para ser um(a) vidente, cartomante, adivinho(a), guru, etc., em Campo Limpo Paulista que, segundo línguas ardilosas, o aconselha nas consultas quanto ao como deve se conduzir ou esperar dos "supostos problemas" que enfrenta nas "sombras" da prefeitura e nas Ações da Justiça. Comentários adjacentes questionam se ele deveria se valer dessas consultas, o que é desaconselhado pelas igrejas, sendo cristão praticante, eclético e ecumênico como diz que é e tendo "deus no comando". Mesmo porque o prefeito se mostra como sendo um homem de fé. Isso, portanto, não deve ser verdade. Ou é? Enquanto isso, as "obras" no córrego Bertioga aparentam estar paradas, certamente por falta de dinheiro, e sem explicar como usou os milhões ( seriam 5 ?) de reais recebidos para fazer mais ou menos 1 km de obras, e sem "ninguém" saber como o dinheiro público foi "usado" nesta obra. Ora, uns e outros garantem que, "no momento", o prefeito e outros estão dedicados a "escapar" dos processos judiciais que os cercam e afligem, enquanto um final indesejado e sem vestígio contraditório parece estar desenhado no horizonte próximo de forma evidente. Pelo sim pelo não, enquanto isso, o resto vai se dando um "jeito", não é ? Oremos...