Vem aí mais uma reestruturação administrativa na prefeitura de Várzea Paulista

Então... o governo municipal de Várzea Paulista enviou à câmara municipal mais um Projeto de Lei Complementar para reestruturação administrativa da prefeitura. É a 3ª reestruturação que a prefeitura pretende fazer desde 2017, referente aos cargos comissionados (em função de confiança e gratificação de confiança da prefeitura). Na justificativa do PLC, o prefeito requer aprovação urgente com apoio unânime dos vereadores. 

O anexo, de 224 páginas, descreve os cargos e funções e, no estudo de impacto financeiro na folha de pagamento do funcionalismo público atual, no final do anexo, está a previsão do aumento de R$ 128.779,68 neste ano (2019), R$ 386.339 em 2020 e R$ R$ 386.339 em 2021 para o próximo governo. Bom... línguas afiadíssimas já especulam se esse Projeto de Lei Complementar tem ou não tem nada a ver com as eleições do ano que vem, já que foi "estrategicamente" apresentado logo depois da aprovação do novo empréstimo de R$ 15 milhões. Por outro lado, uns e outros comentam em "off" se não tem alguma intervenção do Ministério Público para colocar a "prefeitura" em ordem, assim como acredita-se ter no Concurso Público para novos funcionários. Pelo sim pelo não, comentam nos bastidores e opinião pública que o primeiro passo para a prefeitura "entrar nos eixos" foi dado com a ISSRV na nova co-gestão da Saúde. Oremos!