1015 - CARTA DE MÃE DE IDOSA À OUVIDORIA DE VÁRZEA PAULISTA

23/08/2018 10:06

  O Blog recebeu, entre outras denúncias, o email abaixo anexado da Carta enviada à Ouvidoria da prefeitura de Várzea Paulista:

“Conforme solicitado, estou enviando a carta destinada a ouvidoria no dia 08/08/18, após esse contato tenho diversos relatórios que elaborei, de acordo com a conduta dos responsáveis , tenho testemunhas idôneas e competentes nessa área.”

  CARTA PARA OUVIDORIA

  Boa noite! Peço por gentileza, a quem recebe essa mensagem que não a ignore.

 Tenho recebido algumas respostas ao que tenho solicitado em relação à saúde da minha mãe LUZIA FERREIRA DE SOUSA, mas infelizmente atitudes e respostas, em relação à saúde de uma pessoa idosa, de uma forma sofrível. Não faz jus ao que o prefeito Juvenal Rossi, enquanto ser humano, sempre demonstrou em suas falas. Vou começar com o que nos aflige no momento, na sexta-feira esteve em minha residência, um senhor, que segundo ele ganhou uma licitação para trocar o cilindro de oxigênio, por uma máquina que capta o ar e o transforma em oxigênio, independente de ser informada que teria um acréscimo de no mínimo R$200,00 na conta com CPFL, não estaria me dirigindo aos senhores, se essa máquina estivesse trazendo o mesmo resultado para a paciente. O oxigênio foi uma indicão do Dr. José Eduardo Martinelli em 03/06/2017, até então estávamos atribuindo sua confusão mental a um começo de Alzaimer, ele nos esclareceu que o que acontecia com ela, era falta de oxigenação no cérebro, pois, seu pulmão tem 0% de funcionabilidade, o que realmente se comprovou com o uso do oxigênio (cilindro), que a secret. da saúde passou a me fornecer desde então. 

  Na noite de sexta-feira com o uso dessa máquina, (a qual nem sei nome cientifico, pois minha área não é essa) a confusão mental voltou, informei o UBS da Vila Popular e a Senhora Lady, que segundo me informaram responde por esse setor. A resposta que obtive foi no mínimo revoltante, que se ela não está bem, a Secretaria da Saúde não iria fazer nada, pois não voltariam atrás, em ceder o cilindro de oxigênio, para uma filha que corre atrás de uma qualidade de vida melhor para sua mãe(acamada), uma pessoa que trabalhou a vida inteira,tem as CTPs que provam isso.Gostaria que por favor voltassem a ceder os cilindros, pois essa máquina que segundo informações tem um preço exorbitante, mas não sana as necessidades dela.                           

  Essa carta já deveria ter sido endereçada a Vossas Senhorias á muito tempo, pois tenho um gasto de fraldas e absorventes geriátricos de R$380, 00, fui aconselhada pela Secretaria de Saúde Sra. Mônica a procurar a assistente social da prefeitura para conseguir essas fraldas, pois não é um programa da Saúde (devo esclarecer que só aqui em Várzea), a assistente social que me atendeu me deu como resposta que: "A Mônica não resolve os BOs dela, e manda para mim". Isso é de uma gravidade e diria mais, de uma crueldade, pois não considero uma senhora de 84 anos, que trabalhou a vida inteira, a essa altura seja só um B.O. para os órgãos competentes. Espero sinceramente que vossas Senhorias não tenha que ouvir um absurdo desse em relação a suas progenitoras, porque dói viu. Fico no aguardo de um parecer o mais breve possível, pois assim tomarei outros caminhos, desde já agradeço a atenção, Boa noite.

  Bom, as avaliações e comentários ficam por conta dos leitores...

 

Voltar

Pesquisar no site

BVP © 2012 Todos os direitos reservados.

VárzeaPaulista/SP