1057 - PT e PSDB: O GOSTO AMARGO DA REJEIÇÃO NESTAS ELEIÇÕES

18/10/2018 11:43

  Então... como avaliado no Sinal de Fumaça do dia 11/10, parece que o pão do PT está inevitavelmente caindo com o lado da manteiga para baixo e, ainda mais deprimente, com o irmão de Ciro Gomes, Cid Gomes, esculhambando o PT em seu discurso em Fortaleza, ao bater boca com petistas: “Lula tá preso, babaca, vai perder a eleição”. E mais, a título de conquistar apoio fora do circulo lulopetista, Haddad agora parece querer fazer acreditar que nada tem a ver nem com o PT nem com Lula. Portanto, este segundo turno está sendo o pior e inimaginável inferno astral do PT, onde o anti-petismo tem aumentado assustadoramente, sem controle, sem que nada possa ser feito para conter a “onda” e ainda tomar do próprio veneno que sempre usou contra seus adversários nas eleições anteriores. Lamentável? Não, é consequência...

  Mas não é só o PT que está amargando a maior rejeição do eleitorado de todos os tempos: o PSDB também e, por enquanto, é o partido que mais está perdendo nestas eleições... e de forma vergonhosa, segundo analistas de vertentes do próprio partido. O PSDB tem sido o partido que sempre posou como elite política, arrogante, distante do povo, se achando “superior” e pretenso “salvador da pátria”. Se perder o 2º turno para governador em São Paulo, Minas e Rio Grande do Sul, que disputa também em Roraima, Rondônia e Mato Grosso do Sul, vai perder influência e poder como partido.

  Por exemplo, aqui na região do Aglomerado Urbano de Jundiaí, o PSDB não elegeu nenhum deputado, estadual e/ou federal, e ainda perdeu muitos votos que consideravam como “garantidos”. Em Várzea Paulista, a votação no candidato a reeleição para deputado federal caiu de 13.465 para 8.794 votos, perdendo 4.671 votos mesmo com o empenho da prefeitura. Em Jundiaí, comentam que o prefeito, do PSDB, apoiou o candidato de outro partido para deputado estadual, médico e vice-prefeito, que não conseguiu se eleger e, claro, dá para imaginar o que os candidatos do PSDB estão sentindo agora. E tem a questão do risco eminente do PSDB perder o governo de São Paulo e Minas, e ainda podendo passar a ser apenas mais um mero partido nanico.

 

Voltar

Pesquisar no site

BVP © 2012 Todos os direitos reservados.

VárzeaPaulista/SP