222 - A FORÇA DA FÉ CRISTÃ !

28/07/2013 13:00

   Indiscutível a força da igreja católica e apostólica na visita do Papa Francisco I ao Brasil, mostrando ao mundo a união dos fiéis em torno da fé católica. Diferentemente da fé evangélica, fragmentada em várias igrejas com várias denominações, e longe da integração em uma só fé e catecismo universal, nascendo uma nova denominação de igreja a cada ano e de acordo com o gosto e os interesses de cada grupo evangélico.

   Viu-se em Aparecida do Norte e Rio de Janeiro o Papa Francisco I mostrando o mundo que a igreja católica  é una, com seus diversos segmentos, ordens, divisões e movimentos religiosos, e isso a torna realmente universal (católica) na fé cristã, ao abrigar e conter todos sob a liderança e orientação do Papa, do Vaticano.      

   Originalmente o apóstolo chefe da Igreja Cristã primitiva era denominado O Bispo (Bispo acima dos demais), depois Bispo de Roma e finalmente passou a ser chamado Papa ("pai" da Igreja) permanecendo assim até hoje.

   Após vários cismas a igreja católica se dividiu e deu origem aos Católicos Ortodoxos e aos Protestantes através de Martinho Lutero (padre Agostiniano), entre outras como a Anglicana na Inglaterra. Para se diferenciar dos protestantes seguidores de Lutero, os Luteranos, os demais passaram a se chamar Evangélicos em suas diferentes denominações e organizações como Igreja.

   Assim, queiram ou não uns e outros, e pode não parecer, mas não há igreja mais política que a católica, nem mais influente na sociedade e no poder de governo no mundo Cristão

 

Vejamos o registro histórico da fé cristã, todas a partir do cristianismo inicial:

 

1. Igreja Católica Apostólica Romana:

Conhecida como legado de Jesus, o Cristo, ao apóstolo Pedro e difundida por Paulo.

 

2. Gnósticos Cristãos

Doutrina filosófico-religiosa, ensinamento baseado na gnosis, termo grego que significa literalmente Conhecimento, trata-se do Conhecimento Sagrado (ou Sophia).

 

3. Luteranos

A ruptura de Luterano com os católicos, em 1517, lançou as bases para a expansão do protestantismo. Os luteranos condenavam o comportamento moral dos padres católicos e acreditam que a salvação estava nas escrituras sagradas.

4. Presbiterianos

Inspirados no teólogo francês João Calvino (1509-1564), pregavam a predestinação divina: ou seja, só os eleitos por Deus se salvariam. O teólogo holandês James Arminius (1560-1609) criaria depois outra vertente do presbiterianismo: o Arminianismo

5. Anglicanos

O rei inglês Henrique VIII (1491-1547) queria anular seu primeiro casamento para se unir a outra mulher. Após a recusa do papa Clemente VII, ele rompeu com a Igreja Católica e criou a anglicana em 1534, ficando livre da interferência papal

6. Batistas

O movimento anabatista já existia quando Lutero começou a questionar a Igreja Católica. Mas, como outras correntes protestantes, o movimento só ganhou expressão após a Reforma. Acabou dando origem à Igreja Batista.

7. Metodistas

Surgiram na Inglaterra no século 18, propondo reformar a Igreja Anglicana. Baseadas na crença da salvação pela fé em Cristo, as idéias metodistas não conseguiram mudar os anglicanos, mas deram origem a uma nova corrente protestante

8. Pentecostais

Começaram a aparecer no início do século 20 como uma dissidência dos metodistas. Em 1910, foi fundada a Congregação Cristã do Brasil; no ano seguinte, a Assebléia de Deus, e em 1962, Deus é Amor. Os pentecostais crêem na cura pela fé.

9. Neopentecostais

Fazendo parte do grupo a Igreja Universal do Reino de Deus, de 1977, e a Igreja Renascer em Cristo, de 1986. Os neopentecostais têm em comum a adoção da mídia para pregar aos fiéis, além dos cultos espetaculares e a realização de exorcismos.

 

10. Sociedades espiritas

Não são Igreja, mas acolhem todos os que buscam mais sobre o mundo espiritual, sejam de quais fé forem. Alland Kardec (fundador) e Chico Xavier (Brasil) são os maiores expoentes.

 

10. Escolas de Mistérios Cristão

Também conhecidas como Cristianismo Esotérico, são vertentes do Cristianismo compostas pelas escolas de mistérios, constituindo o que se conhece como a parte mística do Cristianismo, e que se propõe a transmitir os ensinamentos secretos do cristianismo, ou a alta espiritualidade cristã reservada aos Buscadores da Luz. Entre elas temos atualmente no Brasil:

Maçonaria (a mais conhecida)

Templários 

Rosa Cruz Áurea (Lectorium Rosacrucianum)

Fraternidade Rosacruz

Ordem Martinista (pós Elus Cohen, ou Sacedotes Eleitos)

Outras (maioria "dissidentes")

 

 

 

Voltar
Free Hit Counter

Pesquisar no site

BVP © 2012 Todos os direitos reservados.

VárzeaPaulista/SP