686 - V.PTA.: RETROSPECTIVA DO GOVERNO MUNICIPAL 2013/2016 - Parte 5

09/01/2017 10:50

   ... continuação da parte 4...

 

   h) GOVERNO e COMUNICAÇÃO

   A Secretaria de Governo, com David Alexandre da Silva na gestão, de certa forma, no inicio do mandato, especula-se que este secretario acabou provocando um incômodo clima de insatisfação nos colegas pelas ingerências nos assuntos pertinentes às outras secretarias.

   No entender da opinião pública, entre várias questões “estratégicas” vista como negativas na secretaria de governo, as que mais dificultavam as partes contrárias foram as “negociações” nas reivindicações de casas populares com os manifestantes, as greves dos funcionários públicos, a “troca” do terreno público municipal da Vila Real de 185 m2 por outras 2 áreas totalizando  975 m2 pra atender “exigência” da igreja evangélica Assembleia de Deus (clique aqui para ver o Opinião 538 de 05/12/2015 sobre isso), entre muitos outros “incêndios” políticos ou não, raramente usando da verdade conforme comentários dos bastidores do governo, da câmara municipal e da opinião pública. Portanto, e de modo geral, esta secretaria de governo aparentemente não apresentou um desempenho transparente e satisfatório, e foi também por onde passaram funcionários comissionados para cumprir acordos políticos voltados para a eleição 2016.     

Resultado de imagem para secretaria de comunicação de varzea paulista

    Quanto à Secretaria de Comunicação, também com David Alexandre da Silva no comando, chegou a produzir o jornal O VARZINO, mas que não teve a repercussão esperada mesmo porque parecia ser voltado para elogiar o prefeito e as “conquistas” do governo municipal, que nem sempre correspondia ao que se via na prática.

   Entretanto, com a contratação do repórter da TV Paulista, Gustavo Neto, a comunicação ganhou um pouco de qualidade e uma série de vídeos começou a ser apresentada nas redes sociais para mostrar as “conquistas” e noticias a partir de ações do governo. Com ele, e mesmo com orçamento reduzido, comentam que a página da prefeitura no Facebook teve melhor formatação visual, bem como a página oficial do site do governo municipal e do prefeito.

   No ano eleitoral 2016, a comunicação contratou comissionados com experiência em comunicação, e uma revista foi elaborada e distribuída na cidade para mostrar as “conquistas” do governo municipal, mas tendo o conteúdo criticado pela opinião pública por não estar conforme a realidade conhecida pela população.

Resultado de imagem para jornal o varzino

   Na campanha eleitoral, a secretaria elaborou um “jornal” (claramente para fins eleitorais), comentado no Tribuna Livre do Blog, com os “feitos” do governo municipal. Justificou o “Poupatempo da Saúde” nas redes sociais e nas mídias da região como sendo o cumprimento da promessa da campanha eleitoral 2012, mas a opinião pública sabe que foi apenas a mudança de endereço e de nome do Ambulatório de Especialidades Médicas para o Hospital, e nem sempre com argumentos convincentes ou verdadeiros como, por exemplo, no caso das 292 casas populares nunca construídas, mas insinuadas como prontas na propaganda do “jornal” mencionado acima.

   Se houve ou não corrupção ou malfeitos nessa secretaria não se sabe, mas alguns comentários de favorecimentos circularam quanto a isso nos bastidores e opinião pública.

Resultado de imagem para condema varzea paulista

    g) MEIO AMBIENTE

      Essa secretaria não existia no inicio do governo, e não se justifica como Pasta executiva quando deveria perfeitamente estar incorporada em outro setor como o de Obras e Urbanismo. Para o comando desta secretaria foi indicado João José de Lima (matemático e físico), que não convence ter perfil ambiental para o comando da Pasta e tudo indica que foi apenas um cargo político, provavelmente para esvaziar uma disputa interna no governo pela direção do CONDEMA, Conselho Municipal do Meio Ambiente.

Resultado de imagem para voz de prisão

    Provavelmente por inexperiência e/ou falta de capacitação adequada, acabou gerando comentários desabonadores à sua conduta na gestão, principalmente depois de ter dado “voz de prisão” em alguns casos, inclusive no apagar das luzes do mandato provocando mal estar no governo em episódio que foi parar na delegacia da cidade, segundo comentários dos bastidores.

      Nas audiências públicas dos loteamentos no bairro do Mursa, o secretario não deixou claro de que lado estava, se a favor ou contra os loteamentos (vide o Opinião 486 o Blog clicando aqui), e aparentemente não demonstrando interesse na preservação do meio ambiente da única e ainda reserva ecológica da cidade, segundo os comentários na opinião pública após a audiência pública do dia 08/07/2015. Para saber sobre a questão dos loteamentos no bairro do Mursa, acesse o link a seguir: sobre os loteamentos do Mursa

     Entretanto, neste mandato surgiu comentários controversos, e abafados, se houve ou não corrupção e/ou malfeitos nesta secretaria, principalmente quanto às mudas de coqueiros nas avenidas da cidade.

 

< parte 4

     parte 6 >

 

 

Voltar

Pesquisar no site

BVP © 2012 Todos os direitos reservados.

VárzeaPaulista/SP